Postagens

Destaque do dia

📖❤Como sobreviver à maternidade(um guia prático e sobrevivencia de 0 a 5 anos) PARTE 2.❤📖

Imagem
Continuação do post Como sobreviver à maternidade(um guia prático e sobrevivencia de 0 a 5 anos) PARTE 1.

*Aqui você pode ver o guia de 0 a 12 meses* 12 a 24 meses: O extremo da fofurisse, o primeiro aninho. Essa fase que andam meio bobinhos ainda, acham graça de tudo e começa soltar as primeiras palavrinhas. As vezes você pode pegá-los brincando sosinhos por alguns minutos e ficar lá na espreita morrendo de amores. Mas também é a fase de explorar tudo, o próprio corpo e o ambiente. Eles podem mecher no lixo, desenrolar todo papel higiênico, derrubar coisas no chão para ver o que acontece, testar o limite do amor dos pais, tentar entrar em lugares apertados e ficar presos, subir em cima de cadeira, cama, banco, tentam descer escadas, tombos são frequentes. É a fase que os pais passam por mini infartos diários!

É a fase que se você ouvir um "TUM" mesmo que não esteja com seu filho seu coração gela achando que foi o filho que bateu a cabeça.

O cérebro está a mil aprendendo tudo …

Siga-nos você também!

Resenha da Lara: Esmalte Atena - Nati

Imagem
Que mãe de menina nunca passou pela situação de: Mamãe, pinta minhas unhas?
Aqui passamos sempre, principalmente se ela estiver junto no momento que eu for fazer as minhas.. rsrs
Dessa vez resolvi deixar ela participar mais e comentar sobre o esmalte que ela escolheu (porque tinha que ser uma cor escura?)



Mas no fim gostei do resultado. Com apenas uma camada ficou mais clarinho, não ficou forte para ela.
Gostei da textura do esmalte, fácil de aplicar e é uma cor diferente das costumeiras. 


Marca:        Nati Linha:   Mythos  Cor:          Atena

Lucca (31 semanas) - A realidade de ser mãe de dois e o amor pela maternidade

Imagem
Me dei conta que chegamos a 31 semanas e ainda não escrevi nada sobre a gestação, não fiz post sobre... é... segundo filho realmente as coisas mudam, rsrs.Não é a falta de importância, pelo contrário, damos mais importâncias as coisas realmente necessárias, aprendemos o que de fato vamos precisar ou não. Mas já temos uma criança para cuidar. Descobrimos que ser mãe de um é "fácil", começamos a temer ser mãe de dois, será que darei conta?Sim! Claro que darei. Eu amo ser mãe, amo ter filhos! Mas existe o medo de não conseguir ser completa para cada um deles, entendem? Cada um tem suas peculiaridades, cada um vai ter seus sonhos e seus medos. Precisamos nos dedicar a cada um especialmente. Sim, eu consigo. Sim, estou amando. É um novo mundo para conhecer agora: Um menino!Lara continua carinhosa e fofa como sempre foi. Abri mão de trabalho e estou cuidando dela em tempo integral. Isso me fez conhecer-me interiormente ainda mais. Incrível como os filhos tem esse poder dentro da ge…

Meu Malvado Favorito 3 - Cinematerna

Imagem
Quem aí esperou pelo lançamento do filme mais que as crianças!?!?! ☝☝☝
O ex-ator mirim e astro de TV, Balthazar Bratt, foi um típico malvado bem-sucedido nos anos 80 e agora está de volta à ativa. Ele vai aterrorizar a vida de Gru, Agnes, Margo, Edith, Dr. Nefario e os atrapalhados Minions. Em meio a tudo isso, Gru também vai encontrar o seu irmão gêmeo, Drew. Data de lançamento: 29 de junho de 2017 (Brasil) DireçãoPierre CoffinKyle Balda Música composta porPharrell WilliamsHeitor Pereira RoteiroKen DaurioCinco Paul Produtoras:

Deixe as mães dizerem NÃO

Imagem
"Mas tadinho, deixa ele brincar mais"  (Quando você está tentando ir embora de algum lugar)
"Pode deixar ele comer"  (Você já disse que para a criança que ela não vai comer aquilo)
"É só um docinho"  (Você não dá doce para o filho)
"Não tem problema, depois eu arrumo, não precisa fazer ele guardar"  (Quando você diz para seu filho guardar o que ele bagunçou antes de ir embora)



Por favor, quando uma mãe disser para o filho fazer isso ou aquilo, ou disser não, não tente SER GENTIL dizendo as coisas acima (você estará sendo tudo, menos gentil). Tudo que a mãe precisa é que o filho a obedeça sem birras, ela se esforça dia a dia para conseguir isso. E você estraga tudo (na inocencia, quase sempre) ao contrariá-la tentando ser "legal". Mas você já parou para pensar que ela está certa? E que você ficar a contrariando (ou ao pai) na frente da criança pode estar atrapalhando a educação?
Você não quer isso, lógico que não. É perceptível o quant…

Porque o Chá de calcinha (ou Chá de Desfralde) é uma bobagem

Imagem
Babaquisse sem limites ☝
Chá de calcinha ou chá de desfralde é a nova moda de agora. (recebemos os prints que compõem o post e resolvemos escrever sobre isso.)



Estamos criando uma sociedade fast, tudo tem que ser feito rápido, tudo tem prazo de validade e tempo cronometrado. É o mais novo/velho discurso: Quanto mais cedo melhor. A geração Alpha. Sim queridos amigos, quem tem a minha idade já ouviu sobre a geração x,y e z. Mas estamos na geração Alpha, a dos mais inteligentes mas também dos maiores casos de TDAH. A geração da tecnologia, a geração youtube, a geração FAST, a geração que não sabe esperar, que não entende uma palma da mão estendida, mas entende muito bem um quadrado vermelho com um play branco no meio.
Nossos filhos nascidos depois de 2010, os alphas: Tem idade certa para bater palmas, para andar, para falar, para ser alfabetizado, idade para desfralde. Com certeza você já deve ter passado por uma dessas pressões e ter sentindo enorme frustração por não se encaixar no pa…

Fique com alguém que ouça suas reclamações de corpo e alma

Tive uma semana muito agitada, na verdade estou num ano agitado. Estou correndo atrás de muitas coisas pela escola das minhas filhas que é pública, represento uns 400 pais da creche das meninas. Falta de funcionários, super lotação e muito descaso com a educação. Fizemos reunião com supervisores, falei com Secretária da Educação e entrei em contato com vereadores.
Muito corrido e estressante. Aí me chamaram para uma reunião de professores de outra escola pedindo informações e reinvindicando pela escola deles também e acabei ouvindo coisas que eu não queria. Um misto de "os pais nao se importam" com "o governo não se importa"" fazemos de tudo pelas crianças"... Mas, sim teve um MAS e foi esse " Se precisar de nós não podemos fazer nada pois sofremos represálias" e o pior MAS "Se precisar de alguém para cuidar das suas filhas enquanto nos ajuda, não tem ninguém". 
É fato que há um desinteresse geral pela educação mas eu já estou cansada …

Já Curtiu Jovens Mães no Facebook?

Loucuras e realidades da maternidade. Siga a gente no Instagram!

Blogs que sigo