Siga-nos você também!

Como lidar com os olhares alheios

Quando engravidamos novinha demais todos a nossa volta passam a nos olhar com reprovação.  Se não tivermos opinião forte o suficiente deixamos muito nos influenciarem. No começo buscamos força onde não temos, vivemos dizendo que vamos superar e tudo o mais. Mas não é simples assim; apesar de parecer forte e sempre demonstrar que nunca liguei pra opinião dos outros eu sempre tive meus momentos a sós em que chorava pensando em cada palavrinha que ouvia e o quanto era verdade,  às vezes me apegava à ideias de que se eu continuasse a faculdade ela não me reconheceria como mãe,  ou que eu pegaria muitas DPs e não conseguiria concluir,  que seria impossível dançar depois que ela nascesse, quanto mais durante a gestação,  que eu não tinha mesmo juízo,  e que devia casar e seguir o "destino" de uma mulher. Ficava deprimida achando que esses comentários poderiam ser reais. Mas hoje vejo o quanto fui forte ao superá-los e o quanto amei e amo ser mãe.  Porque acima de tudo,  é o amor que me fez superar. É pelo amor ao que estava sentindo e vivendo que conseguia pensar que ela saberia sim quem é a mamãe;  e hoje isso é real; a verdade é que nunca peguei uma DP e consegui chegar ao 3° ano da faculdade,  agora quase no 4° apesar do maior esforço para estudar; dançar é meu maior amor depois da Lara e do Direito, e quando amamos, NADA é capaz de nos fazer parar; juízo ninguém tem, quem tem "juízo" não aproveita as belezas da vida, meu juízo é apenas dar o melhor de mim a qualquer pessoa que conviva comigo,  principalmente minha filha; sobre o destino da mulher? Só não mandei essas pessoas a...porque sou educada.  Meu destino é ser feliz, independente,  amante da vida, mãe,  estudante,  profissional,  bailarina,  meu destino é viver minha vida  em todos os âmbitos e ter alguém ao lado não é obrigação,  é também outra forma de amor, construirei uma família um dia sim, mas não porque é "destino da mulher" e sim porque encontrei alguém que amo e com quem quero dividir todo o resto de minhas conquistas. Apenas inverti o jogo. Os filhos sempre vem planejados por último,  mas Deus achou que eu seria uma pessoa melhor se ela viesse além dos planos e por primeiro! 
PS para Lara: EU TE AMO MUITO,  FILHA! Você é a melhor coisa que aconteceu na minha vida! 


Por: Bruna Francine

Comentários

Mais vistas...

TAG - Eu NUNCA

Porque comer legumes e verduras na gestação (e durante a amamentação)

Porque o Chá de calcinha (ou Chá de Desfralde) é uma bobagem

Já Curtiu Jovens Mães no Facebook?

Loucuras e realidades da maternidade. Siga a gente no Instagram!

Blogs que sigo