Siga-nos você também!

Dia da Bailarina -1° de setembro

Como conciliar...

Se tem uma coisa que a maternidade me ensinou é que podemos fazer tudo, desde que nos organizemos.
Então, posso dançar sem deixar a maternidade de lado.. Tudo bem, nunca mais ensaiarei como antes e não chegarei perto de ser uma grande bailarina, porque pra isso exige ensaio, muito ensaio, e apesar de amar muito, a maternidade faz com que, além de gostar da dança, amemos mais nosso pequeno ser. Conciliar é muitas vezes incluir o bebê na nossa rotina, sem deixar de tornar algo divertido. Nada tem que ser forçado, se ela não gostasse, claro, não exigiria que dançasse comigo. Mas quando tentei a primeira vez e vi o quanto ela se divertiu continuei incentivando, sempre na medida dela.
Acho legal pais que incluem filhos nas suas atividades, sem forçá-los.
Lara ama cada vez que faço ballet com ela (blé como ela diz) já cheguei a levá-la na aula e ficou tao boazinha... Tentando imitar tudo.
Segue as fotos e vídeos de quando dançamos juntas.


Ainda na gestação eu dancei com Lara às 24 semanas, assistam ao vídeo.


Show de talentos. Lara com 9 meses. 


Apresentacao de fim de ano. Lara com 11 meses




Festival de Inverno - Lara com  1 ano e 6 meses







Por: Bruna Moreli

Comentários

Mais vistas...

TAG - Eu NUNCA

Porque comer legumes e verduras na gestação (e durante a amamentação)

Porque o Chá de calcinha (ou Chá de Desfralde) é uma bobagem

Já Curtiu Jovens Mães no Facebook?

Loucuras e realidades da maternidade. Siga a gente no Instagram!

Blogs que sigo